19.7.11

30ª Concentração de Motos em Faro, Algarve

 Decorreu a 30ª Concentração de Motos de Faro. A festa ‘arrancou’ com a eleição da ‘Misse Faro’, em que as participantes usaram t-shirts molhadas, e continuou, depois, com a atribuição dos prémios do ‘Bike Show’ e a música, com a Orquestra do Algarve, dos espanhóis Los Inhumanos e no final , os Xutos & Pontapés, que atraíram mais uma enchente no recinto do Vale das Almas. Tudo intercalado com os clássicos shows-surpresa – as actuações das bailarinas de striptease, que já são uma tradição no encontro motard de Faro.
Cumpriram-se três outras tradições da concentração. Primeiro um desfile dos motociclistas pelas ruas de Faro, para agradecer e fazer a despedida da cidade. Seguiu-se a entrega de prémios aos vencedores dos diversos concursos. A 30ª Concentração de Motos de Faro – a maior de sempre – encerrou com a clássica sardinhada, ao almoço.
A marca do final da maior Concentração de Motos de Faro de sempre. No ano em que celebra o 30º aniversário, aquele que é um dos maiores encontros de motards da Europa, atingiu novos máximos.
Parabéns a quem possibilitou a existência desta grande concentração, que só beneficia Portugal.
Dizia-me um motard: "É o trajecto, o gozo da viagem, a camaradagem que existe entre nós muitas das vezes sem nos conhecermos uns aos outros mas que "aquele" V dos dedos tão bem preconiza e principalmente a entreajuda em caso de necessidade, que faz com que os vastos km sejam feitos com uma alegria imensa até atingir o clímax com a chegada ao santuário junto ao aeroporto de Faro. Lá chegado e dentro do recinto, vale quase tudo, sentimentos que só aparecem neste local, emergem. Somos todos uma verdadeira família. Este, para mim é o verdadeiro espírito motard."

6 comentários:

mfc disse...

Um verdadeiro espectáculo todos os anos renovado!

" Smile disse...

Fantástico...
Também eu passei por estas andanças. Estas fotos estão espectaculares, como todas as outras, claro, a diferença é que estas tocam (mais) cá dentro

Graça Pereira disse...

Fotos que transmitem isso mesmo que um motard afirmou: a alegria da camaradagem, a amizade "cozinhada" duranre alguns anos e até mesmo a de "geração espontânea" pelo calor das relações...É uma espécie de "escuteiros de motas".
Parabens pela reportagem.
Bj
Graça

LopesCa disse...

Foi em grande :)

Gisele Claudya disse...

Manuel, obg pelo teu comentário sobre o meu último quadro. Bem, penúltimo pois já estou pintando outro ehehehe

Acho que andar de moto é algo muito perigoso mas em cidades pequenas, até andaria. Mas no trânsito do Rio de Janeiro, nem pensar.
Beijocas,
Gisele

Brasil disse...

Lindo post!,gosto muito das motos e de Portugal.