Seguidores

10.5.16

Guardo os teus poemas, as tuas flores e o aroma delicado.

 Sentou-se e olhou para a placa. A noite caíra completamente. Uma lua cheia, brilhante e muito atraente, indiferente à sena, brilhava rodeada de estrelas. Nem a luz de flash embaraçava a sua visão. As luzes da cidade, lá embaixo, competiam com as celestes.
 Bem disposta estava a natureza quando criou o momento.
Cortinas de veludo penduradas a poucos centímetros dos meus olhos, os remates com fio de ouro a brilharem à luz do sol. Pestanejei 
convencido de estar a sonhar.
 As flores encantam e a cor de chocolate contribui para esse encanto.
Compartilhar a luz da tua lua numa turbante tulipa de desejos de afecto.
É sombra, claridade... 
É flor, fruto e semente!
As flores devem ser descritas com palavras muito simples porque as flores sendo pequenas , sabem poucas palavras e não gostam de usa-las complicadas.
É tão divertido – tentar decifrar o seu aroma levado pelo vento.
As flores do campo representam muito mais do que um simples presente ou um conjunto de flores, elas representam autenticidade, criatividade, bem estar e muito, além disso.
O olhar cor de rebuçado percorreu-lhe o rosto, parando nos lábios por um instante.
 Sinto a tua presença na beleza das flores.
Cobertas pelo sol e sombras de nuvens. Quando acordei ainda sentia nos meus braços o peso das tuas pétalas.
Depois de fotografar a próxima flor, voltava o mesmo pensamento, assim aconteceu em todas as imagens são lindíssimas pinturas e como adoro flores.
 “Às vezes tudo se ilumina de uma intensa realidade e é como se agora este pobre, este único, este efémero instante do mundo estivesse pintado numa tela, sempre...”
Mário Quintana
Não me esqueças, ama-me para sempre!
Fotografar estas flores faz-me sentir muito bem.
Se tiver que deixar uma herança aqui na terra, que seja esta: o bem que fiz sem contar e sem escolher.
Caminhem como podem e sabem, procurem as flores da primavera. Elas esperam por vós!
Doces cores de sonhos, só quem ama a natureza pode sentir toda a magia que uma minúscula flor pode transmitir-nos!
Não estás sozinha. Tens o mesmo sorriso antigo. Quero tanto poder florescer mais uma vez.
 Não podes estar sozinha num momento como este.
 Para um amador que ama e sente o que faz, uso a máquina como paixão. Cada foto é construída por mim com a mecânica da máquina de que me sirvo. À algo de mim em cada imagem, os momentos não são exclusivos. São acordos com  determinados estados de espírito. 
O que vejo através da lente é o real e é o que eu quero aqui transmitir. A emoção  que me percorre é confortável nestes ângulos desconhecidos, atmosferas desfocadas  estranhas, cores indefinidas que só a natureza sabe construir..
É um privilégio encaixar-me nos momentos mágicos. Guardo-os como inseparáveis, como para alem dos meus olhos, afectos, da minha forma de sentir. Isto é o que lá está. Nem sempre bem conseguido, mas tentei.

Para me sentir ainda melhor, aqui vai um abraço para todos, obrigado.